Por quê sua oficina ou concessionária precisa de marketing digital?

po-que-sua-oficina-ou-concessionaria-precisa-de-marketing-digital

Você pode ter ouvido uma ou outra vez, mas se você ainda não estiver usando o digital em seus planos de marketing, você está perdendo. Simplificando, o marketing tradicional já não funciona tão bem para concessionárias e oficinas. Os consumidores pesquisam e fazem compras em canais digitais e os revendedores devem passar a ser alvo digital para conseguirem novos clientes.

O marketing digital inclui canais como sites, e-mail, redes sociais e dispositivos móveis. Não só o marketing digital traz mais receita por carro, e também custa muito menos.

Isso não quer dizer que a mídia tradicional deve ser deixada para trás. Certamente tem seu lugar, mas as concessionárias devem se afastar apenas do uso de canais de publicidade tradicionais e começar a implementar mais opções de segmentação digital. À medida que os consumidores se tornam mais inteligentes digitalmente, eles esperam ser atendidos através dos canais digitais. Ao não segmentar esses consumidores nas formas em que eles esperam ser alcançados, as concessionárias e oficinas estão perdendo todo o público-alvo online que já é maioria.

Os consumidores usam canais digitais para pesquisar e decidir qual oficina vão, para só então, finalmente visitar. Durante esta importante fase de pesquisa, você precisa garantir que sua oficina ou concessionária seja uma das opções consideradas.

Aqui estão 7 estratégias de marketing digital a serem consideradas no início para sua oficina ou concessionária.

Pesquisa

Grande parte dos consumidores vão imediatamente aos sites de busca ao iniciar o processo de busca de uma solução. A presença on-line de uma oficina ou concessionária é um fator importante para determinar o sucesso neste ponto inicial da viagem de compra. Forte estratégias de Search Engine Optimization (SEO) garantirão que os clientes possam encontrar seu nome em resultados de pesquisa. Uma estratégia abrangente de SEO deve incluir seu site, otimização de palavras-chave, campanhas de pagamento por clique, criação de links, gerenciamento de reputação on-line e conteúdo de qualidade.

Comentários on-line

Uma grande porcentagem de clientes se volta para oficinas ou concessionárias com opção de revisão on-line. Na verdade, 70% dos compradores de automóveis dizem que as revisões on-line influenciam aonde eles optam por ir. Além disso, 24% consideram os sites de revisão como o fator “mais útil” quando se trata de tomar decisões de compra. Certifique-se de monitorar suas avaliações on-line, responder de forma rápida e construtiva a comentários negativos e incentivar continuamente seus clientes a deixar comentários sobre sua experiência de compra.

Celular

Estamos na era do celular e seu website, conteúdo e marketing devem ser otimizados para celular. Quando um consumidor visita uma página que não é amigável para dispositivos móveis, eles sairão rapidamente em busca de um concorrente que possa oferecer uma experiência móvel otimizada é de suma importância. Os consumidores examinam as opções de serviço on-line por meio de celular. O conteúdo mais procurado por esses compradores está relacionado a preços, pagamentos e ofertas. Esses dados indicam que um grande número de clientes estão confiando em dispositivos móveis, não apenas para pesquisas preliminares, mas também quando tomam decisões finais sobre o que comprar e onde. Com base no crescente uso de dispositivos móveis ao longo da viagem de compra, desde a pesquisa inicial até a final compra, o celular nunca foi mais importante para oficinas e concessionárias de automóveis.

O e-mail marketing

Quando feito corretamente, o marketing por e-mail é um canal altamente eficaz para oficinas e concessionárias. A personalização é a chave para criar e-mails que convertam em clientes. A maioria dos clientes querem emails adaptados com base em seus interesses. Além disso, é mais fácil que eles cliquem em um e-mail que inclua informações sobre um estilo, cor ou modelo em que eles estavam interessados.

E se os consumidores receberem um e-mail impessoal (ou seja, não são específicos de seus interesses ou localização) são menos propensos a visitar o site do revendedor e ainda podem se sentem irritados ou ressentidos com a marca. Com a sofisticação dos conjuntos de dados de hoje, os e-mails podem ser direcionados por uma grande variedade de seleções, como a marca exata e o modelo do veículo atual, o valor do carro que eles atualmente dirigem, as pessoas mais prováveis “no mercado” para um novo carro e outras seleções demográficas, como renda, etnia, passatempos, crianças e muito mais.

Mídia social

O Facebook também é muito popular entre os consumidores – 84% dos compradores automotivos estão no Facebook e 24% deles usaram o Facebook como um recurso para fazer suas compras. A mídia social é uma maneira extremamente importante para a indústria automotiva se conectar com possíveis clientes. Não só as mídias sociais estão cheias de indicadores de compra em tempo real, mas os revendedores podem usar o social para fidelizar a marca, melhorar a experiência do cliente e influenciar as decisões de compra. Ao usar canais sociais, certifique-se de compartilhar conteúdo envolvente em diferentes canais sociais, postar fotos de inventário, participar de conversas em suas páginas sociais, monitorar avaliações sociais e ter suas informações de contato facilmente acessíveis (localização, horas, e-mail e telefone).

Publicidade em mídia social

Além de ter uma presença social e interagir em plataformas sociais, os consumidores podem ser direcionados com extrema precisão através da publicidade social. Se pensa em começar com publicidade paga nas redes socias, um ótimo lugar para começar é no Facebook. Os consumidores podem ser alvo de uma série de dados demográficos, como idade, renda, localização geográfica, gênero e muito mais. Os dados automáticos de especialidade também podem ser usados para segmentar os consumidores no Facebook, como informações sobre Tipo de Veículo (carro, SUV, caminhão, van), Marca, Modelo, Ano, Finanças (ou seja, valor mediano da casa e faixa de pontuação de crédito) e outros segmentos incluindo dados do histórico do veículo e dados da garagem.

Em geral, o marketing digital e tradicional deve se complementar. Uma boa estratégia de marketing deve misturar diferentes canais e elementos baseados no público exclusivo de cada oficina ou concessionária.

Para saber mais sobre como segmentar e ganhar mais clientes por diversos canais, entre em contato conosco!

Deixe uma resposta